Veja 5 dicas essenciais para melhorar suas apresentações e discursos

Performance

Veja 5 dicas essenciais para melhorar suas apresentações e discursos

Smartalk
Escrito por Smartalk em 30 de abril de 2020
FAÇA PARTE DA NOSSA ACADEMIA

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Para muitos, falar em público é motivo de pânico e de insegurança. A boca fica seca, as mãos tremendo, as palavras parecem não sair na hora certa e é possível até esquecer um assunto em que somos especialistas e considerados uma referência.

Essas situações constrangedoras acontecem com você? Fique tranquilo e conheça 5 dicas para perder o medo de falar em público e, caso você já domine essa arte, aperfeiçoá-la ainda mais!

1. Temas e objetivos claros

O primeiro passo para se sair bem em uma apresentação é ter plena consciência do recorte que será feito. Muitos especialistas, por saberem muito de um assunto, têm dificuldade em selecionar alguns pontos para expôr e acabam se confundindo no momento de falar. Pior, confundindo aqueles que o estão ouvindo.

Portanto, antes de qualquer coisa, selecione o tema da apresentação e elenque os objetivos da sua palestra. Isso lhe dará um norte para organizar os conteúdos e quem o assiste, saberá logo de início o percurso que será traçado na exposição, facilitando a apreensão do conteúdo e o acompanhamento do raciocínio do palestrante.

2. Estrutura é a base de tudo

A estrutura de uma apresentação pode ser extremamente simples, mas é imprescindível que você desenvolva, a partir dela, a sua fala e as suas explicações. Portanto, depois de definir o tema da sua apresentação, faça um breve esquema — com palavras-chave — do que será abordado em cada tópico e de como você irá desenvolver cada um dos assuntos.

Por exemplo, se o tópico 1 da apresentação é uma introdução geral, o tópico seguinte poderá ser a especificação do tema principal abordado na introdução, o qual poderá ser definido conceitualmente. Em um segundo momento, o mesmo tema poderá ser exemplificado de forma prática e próxima da realidade do público. Com isso, você já tem um esquema de como desenvolver o seu tópico, faltando somente selecionar o conteúdo específico para cada etapa.

3. Como o seu público raciocina

Por mais que você dê um curso sobre o mesmo tema, cada situação requererá uma abordagem específica, dependendo do lugar e do público, pois por maior que a plateia tenha interesse por um tema em comum, cada pessoa terá um perfil específico. Assim, adaptar o conteúdo para cada tipo de ouvinte é essencial para garantir o sucesso e a boa compreensão daquilo que você estará transmitindo.

Adapte o foco, a linguagem e a dinâmica da sua apresentação. Os seus ouvintes não têm que se lembrar de tudo o que você disse, mas aquilo que você expõe deve estar claro e interessante o bastante. Isso tudo é essencial para que eles saiam dali tocados com o que lhes foi transmitido e que reflitam acerca do seu ponto de vista.

4. O conflito

Não existe uma boa trama sem um clímax instigante. Também não existe uma boa palestra sem um conflito que faça os olhos daqueles que te ouvem brilhar, que os impulsione a solucionar e a compreender a origem, os fatores e as consequências de um problema.

Além de ser uma boa dica para mantê-los interessados e concentrados, é importante que palestrante e ouvintes possam ir desvendando esse conflito juntos, deixando muito claro aquilo que está em jogo e quais são os obstáculos que devem ser superados. Portanto, torne a sua fala clara, envolvente e inesquecível, valendo-se de exemplos famosos, ou mesmo do seu cotidiano. Isso tudo servirá para ilustrar o x da questão do seu discurso.

5. Para fazer a diferença

Fatos, estruturas e dados são extremamente importantes para o planejamento e para o sucesso da sua apresentação, mas nada disso terá impacto sobre o público se eles não perceberem em você comprometimento, garra e motivação de quem faz o que gosta.

Mostre que está discursando sobre o que ama e que realmente entende do que está falando! Faça a diferença por realmente se interessar por aquilo que fala, demonstre que você acredita no que faz e, principalmente, que eles, assim como você, podem fazer a diferença em relação àquilo que está sendo tratado.

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

FAÇA PARTE DA NOSSA ACADEMIA